quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Wrong choices.


A minha vida tem-se revelado uma montanha-russa viva, sempre ás voltas, ora volta ao mesmo, ou então não sai do sítio. Embora as minhas decisões já tenham sido tomadas, ainda hoje levo com o pago dos erros que cometi, das pessoas que aceitei na minha vida, que com partilhei os meus segredos e revelei as minhas inseguranças. Foram as pessoas erradas. Tê-las aceite no meu dia-a-dia, foi um erro que hoje me custou a minha sanidade mental. O seu revelar, sou sincero, já não me afecta, pois já há tanto tempo que assito à saída de pessoas na minha vida, que já me acostumei. Já não dói. O que doi é mais um acordar para a realidade e o perceber de que não valeu a pena, mas como tudo na vida, irá ter um fim. E aí sim, eu posso descansar em paz.